TEOLOGIA EM FOCO

sexta-feira, 14 de junho de 2013

20 PRECEITOS “MORAIS” QUE NÃO FAZEM PARTE DO DECÁLOGO


Os defensores do decálogo cometem um grande erro ao pensarem que A LEI MORAL SO SE REFERE AOS DEZ MANDAMENTOS. O decálogo não é o veículo exclusivo da vontade de Deus.

Descreverei abaixo intencionalmente, “20 preceitos morais” retirados do que eles chamam de LEI DE MOISÉS, a qual atribuem valor inferior a que eles chamam de lei moral de Deus.

1 - Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é; (Levítico 18.22).

2 - Nem te deitarás com um animal, para te contaminares com ele; nem a mulher se porá perante um animal, para ajuntar-se com ele; confusão é. (Levítico 18.23).

3 - Santos sereis, porque eu, o SENHOR vosso Deus, sou santo. (Levítico 19.2).

4 - Não oprimirás o teu próximo, nem o roubarás; a paga do diarista não ficará contigo até pela manhã. (Levítico 19.13).

5 - Não amaldiçoarás ao surdo, nem porás tropeço diante do cego; mas temerás o teu Deus. Eu sou o SENHOR. (Levítico 19.14).

6 - Não farás injustiça no juízo; não respeitarás o pobre, nem honrarás o poderoso; com justiça julgarás o teu próximo. (Levítico 19.15).

7 - Não te vingarás nem guardarás ira contra os filhos do teu povo; mas amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o SENHOR. (Levítico 19.18).

8 - Como um natural entre vós será o estrangeiro que peregrina convosco; amá-lo-ás como a ti mesmo, pois estrangeiros fostes na terra do Egito. Eu sou o SENHOR vosso Deus. (Levítico 19.34).

9 - Diante das cãs te levantarás, e honrarás a face do ancião; e temerás o teu Deus. Eu sou o SENHOR. (Levitico 19.32).

10 - Não lhe darás teu dinheiro com usura, nem darás do teu alimento por interesse. (Levítico 25.37); (Falando sobre o sustento do irmão empobrecido).

11 - Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças. (Deuteronômio 6.5).

12 - E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração; E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te. Também as atarás por sinal na tua mão, e te serão por frontais entre os teus olhos.  E as escreverás nos umbrais de tua casa, e nas tuas portas. (Deuteronômio 6.6-9);  (Aqui trata do mandamento de fazer o que os judeus chamam de tefilim e gravar a lei nos umbrais da casa).

13 - Não seguireis outros deuses, os deuses dos povos que houver ao redor de vós; (Deuteronômio 6.14).

14 - Quando entre ti houver algum pobre, de teus irmãos, em alguma das tuas portas, na terra que o SENHOR teu Deus te dá, não endurecerás o teu coração, nem fecharás a tua mão a teu irmão que for pobre (Deuteronômio 15.7).

15 - Quando emprestares alguma coisa ao teu próximo, não entrarás em sua casa, para lhe tirar o penhor. (Deuteronômio 24.10).

16 - Não perverterás o direito do estrangeiro e do órfão; nem tomarás em penhor a roupa da viúva. (Deuteronômio 24.17).

17 - Não torcerás o juízo, não farás acepção de pessoas, nem receberás peitas; porquanto a peita cega os olhos dos sábios, e perverte as palavras dos justos. (Deuteronômio 16.19).

18 - Perfeito serás, como o SENHOR teu Deus. (Deuteronômio 18.13).

19 - Não seguirás a multidão para fazeres o mal; nem numa demanda falarás, tomando parte com a maioria para torcer o direito (Êxodo 23.2).

20 - Também suborno não tomarás; porque o suborno cega os que têm vista, e perverte as palavras dos justos. (Êxodo 23.8).

CONCLUSÃO

O sábado pode ser considerado preceito cerimonial também. Leviticos 23.2,3 informa que o sábado do sétimo dia é uma “solenidade”, considerada como “santa convocação” entre as festas fixas do SENHOR, no mesmo nível dos outros preceitos também cerimoniais, mas que os adventistas não observam.

Diz o texto: Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: As solenidades do SENHOR, que convocareis, serão santas convocações; estas são as minhas solenidadesSeis dias trabalho se fará, mas o sétimo dia será o sábado do descanso, santa convocação; nenhum trabalho fareis; sábado do SENHOR é em todas as vossas habitações. 


O que é mais importante na Lei: Guardar o sábado ou ser santo por que Deus é Santo? (Lv 19.2).

Antes que torçam o sentido da pergunta acima, a “santidade” advém porque Deus é santo, não porque eu guardo o sábado e isto me tornaria santo. A parte mais importante da lei, no entanto, não é o decálogo, ao qual os sabatistas chamam lei moral.

Nenhum dos dois mandamentos de Mateus 22.35-40 proferidos por Jesus se acha no decálogo. 

O primeiro está em Deuteronômio 6.5 e o segundo, em Levítico 19.18. 

Jesus afirmou que toda a lei dependia desses dois mandamentos! 

Não há outro mandamento maior do que estes. (Marcos 12.31).

MARCELO VALLE


Nenhum comentário:

Postar um comentário