TEOLOGIA EM FOCO

sexta-feira, 12 de junho de 2009

SETE RAZÕES PORQUE CREIO EM JESUS

INTRODUÇÃO: Desejo mostrar ao leitores as sete grandes razões porque creio em Jesus como Messias e Salvador.

I. PORQUE JESUS É DEUS

Jo 1.1-3, 10, 14 diz: “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por meio dEle, e sem Ele nada do que foi feito se fez. Estava no mundo, o mundo foi feito por meio dEle, mas o mundo não o conheceu. O verbo se fez carne, e habitou entre nós. Vimos a glória, a glória como do Unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade”.
Ap 19.13 “Estava vestido com um manto salpicado de sangue, e o nome pelo qual se chama é o verbo de Deus”.

O apóstolo João começa seu Evangelho denominando Jesus Cristo de “O Verbo”. As escrituras declaram que Jesus Cristo é a perfeita revelação da natureza e da pessoa de Deus. Assim como as palavras de um homem revelam seu coração e mente, assim também Cristo, como o “O Verbo”, revela o coração e a mente de Deus.

João nos apresenta três características principais de Jesus Cristo como o Verbo.

1. O relacionamento entre o Verbo e o Pai: Cristo preexistia “com Deus” antes da criação do mundo. Ele era uma pessoa existente desde a eternidade, distinto de Deus Pai, mas em eterna comunhão com Ele. Cristo era divino (o verbo de Deus), e tinha a mesma natureza do Pai.

2. Relacionamento entre o Verbo (Cristo) e o mundo: Foi por intermédio de Cristo que Deus Pai criou o mundo e o sustenta. Hb 1.2 diz: A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo. Cl 1.16-17 “Pois nEle foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades; tudo foi criado por Ele e para Ele. E Ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por Ele”.

3. O relacionamento entre o Verbo e a Humanidade: “E o Verbo se fez carne” (v. 14). Em Jesus, Deus tornou-se um ser humano com a mesma natureza do homem, mas sem pecado. Cristo deixou o céu e experimentou a condição da vida e do ambiente humano ao entrar no mundo pela porta do nascimento humano. Vejamos que Cristo não foi criado; Ele é eterno, e sempre esteve em comunhão amorosa com o Pai e com o Espírito Santo. Jesus veio ao mundo com a missão de resgatar e restaurar o homem que estava desligado do Pai, e salvar, isto é, livrar de uma condenação eterna.

II. PORUQE SÓ ELE PODE PERDOAR PECADOS

Ef 4.32 Antes sede uns para com os outros benignos, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo. 1ª Jo 1.9 Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda injustiça.

III. SÓ JESUS TEM A PALAVRA DA VIDA ETERNA

Jo 6.67-68 Então perguntou Jesus aos doze: Não quereis vós também retirar-vos? Respondeu-lhe Simão Pedro: Senhor para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. Jo 8.51 Jesus diz: Em verdade, em verdade vos digo que se alguém guardar a minha palavra, jamais verá a morte.

IV. JESUS É A ÚNICA PORTA DE SALVAÇÃO

Jo 10.7, 9 Portanto, tornou Jesus a dizer: Em verdade vos digo que Eu sou a porta das ovelhas. 9 Eu sou a Porta. Todo aquele que entrar por Mim, salvar-se-á. Rm 5.2 Mediante quem obtivermos entrada pela fé a esta graça, na qual estamos firmes, e nos gloriamos na esperança da glória de Deus.

V. SÓ JESUS TEM A SALVAÇÃO PARA AS NOSSAS VIDAS

Is 59.16 diz: “Ele viu que não havia ninguém, e maravilhou-se de que não houvesse intercessor, pelo que o seu próprio braço lhe trouxe a salvação, e a sua própria justiça o susteve. Lc 19.10 Jesus diz: Pois o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido. Jo 3.16 Jesus diz: Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por Ele. Hb 7.25 Portanto, pode também salvar perfeitamente os que por Ele se chegam a Deus, vivendo sempre para interceder por eles.

VI. SÓ JESUS TEM PODER PARA TRASFORMAR O PECADOR

2ª Co 3.18 Paulo diz: Mas todos nós, com o rosto descoberto, refletindo a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor. 2ª Co 5.17 Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo. Cl 3.10 E vos vestistes do novo, que se renova para o conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou.

O homem que aceita Cristo no seu coração, passa a ser uma nova criatura, isto é, uma transformação de vida; e só em Jesus encontramos esse poder de transformar o homem numa nova criatura.

VII. POQUE JESUS MORREU NUMA CRUZ PARA AQUISIÇÃO DA NOSSA SALVAÇÃO E RESSUSCITOU AO TERCEIRRO DIA

Jo 10.11 Jesus diz: Eu sou o bom Pastor: O bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas. Jo 19.17-18 Então os soldados tomaram a Jesus. Ele próprio, levado a cruz, saiu para o lugar chamado Caveira, que em hebraico se chama Gólgota. Onde o crucificaram, e com ele outros dois, um de cada lado, e Jesus no meio.

Em Mt 17.22-23 Ora, achando-se eles na Galiléia, disse-lhes Jesus: O Filho do Homem será entregue nas mãos dos homens. 23 E matá-lo-ão, e ao terceiro dia ressuscitará. E eles se entristeceram muito. Mt 16.21 Desde então começou Jesus a mostrar aos seus discípulos que convinha ir a Jerusalém, e padecer muito dos anciões, e dos principais dos sacerdotes, e dos escribas, e ser morto e ressuscitar ao terceiro dia.

Hb 12.2 Olhando firmemente para Jesus, autor e consumador da nossa fé, o qual pelo gozo que lhe estava proposto suportou a cruz, desprezando a ignomínia (desprezo), e está assentado à destra do trono de Deus. 1ª Co 15.3 Pois primeiramente vos entreguei o que também recebi: Que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras. Jo 15.13 Jesus diz: Ninguém tem maior amor do que este, de dar alguém a própria vida pelos seus amigos.

CONCLUSÃO: Eu creio em Jesus como Messias e Salvador, porque nEle se cumpriram todas as profecias preditas pelos profetas, e a grande razão de crermos nEle é porque Ele morreu e ressuscitou ao terceiro dia; foi visto pelas mulheres, Maria sua mãe a Maria Madalena, pelos dois discípulos no caminho de Emaús, e muitas vezes pelos seus discípulos quando estavam reunidos e pelo apóstolo Paulo no caminho de Damasco. Na carta aos Corinrtos (1ª 15.6) Paulo diz que Jesus foi visto por mais de quinhentos irmãos; e no livro de At 1.10-11 diz que seus discípulos e muitos irmãos que ali estavam viram Jesus subir ao céu, e hoje Ele está à direita de Deus Pai a interceder por nós conforme Hb 1.3; 8:1; 12.2. Portanto, chegamo-nos a Ele com fé e esperança de um dia viver com Ele na eternidade, isto é, na vida após a morte, pois só através de Jesus podemos chegar ao Pai.

Pr. Elias Ribas